Encontro Ibero Americano de Coprodução Cinematográfica tem início dia 4 de março

fevereiro 24, 2012

Produção brasileira “O Homem Descalço” está entre os 5 projetos escolhidos para serem apresentados a profissionais da indústria do cinema

Acontece durante o Festival Internacional de Cine em Guadalajara, no México, o VIII Encontro Ibero Americano de Coprodução Cinematográfica, entre 4 e 6 de março de 2012. O primeiro evento do encontro é o Open Talent Pitching, uma iniciativa em colaboração com o Talent Campus Guadalajara, em que cinco projetos latino-americanos foram selecionados para serem apresentados a profissionais da indústria cinematográfica, fundos de financiamento internacionais, produtores em busca de coproduções, assim como compradores e vendedores internacionais. O brasileiro “O Homem Descalço” de Camila Agustini e Leonardo Ayres está entre os selecionados.

Camila e Leonardo se conheceram enquanto estudavam na Escuela Internacional de Cine y Televisión (EICTV) em San Antonio de Los Baños, em Cuba. Em 3 anos, cada um escreveu, produziu, dirigiu ou atuou em mais de 20 curtas. Camila assinou o roteiro de “La Última Noche Del Circo Sin Futuro”, projeto para longa-metragem vencedor do primeiro lugar da categoria Nuevas Miradas do Festival Del Nuevo Cine Latinoamericano, realizado em Cuba no ano de 2010. Leonardo dirigiu “Bar da Estação”, filme exibido em festivais como o do Rio e no É Tudo Verdade.

Os demais projetos selecionados foram os mexicanos “Sin Clemencia”, de Gabriela Cortés López, “Dios no Estaba Ahí”, de Itandehui Esmeralda Pérez, “Reina Reyes”, de Luis Fernando Gutiérrez, e o costa-riquenho “Casi Azul”, de Marcelo Quesada. Um dos projetos participantes receberá o apoio dos estúdios Churubusco, que consistirá principalmente em serviços de produção e pós-produção, variáveis entre 500 mil e 1,5 milhão de pesos mexicanos, sendo estipulados pela empresa.

Além do Open Talent Pitching, o VIII Encontro Íbero Americano de Coprodução Cinematográfica contará com Christine Tröstrum, gerente de projetos do campus de talentos da Berlinale, apresentando o projeto “Berlinale Residency”, que consiste em oferecer à seis diretores que já tiveram um filme veiculado em festivais internacionais a oportunidade de passar 4 meses em Berlim pensando no próximo projeto cinematográfico, auxiliado por mentores e especialistas de marketing da indústria do cinema.

O VIII Encontro Íbero Americano de Coprodução Cinematográfica tem como objetivo principal colocar em contato direto 30 projetos latino-americanos em desenvolvimento com profissionais da indústria audiovisual, produtores, compradores e vendedores internacionais. “Filhos da Pista” (“Hijos de La Ruta”), coprodução do Brasil com o México dirigido por León Serment, e “Cenoura” (“Zanahoria”), coprodução Uruguai/Argentina/Brasil, dirigido por Enrique Buchichio estão entre os projetos selecionados.

O mexicano León Serment é responsável pelas comédias “El Efecto Tequila”, de 2010, e “Kada Kien Su Karma”, de 2008. O uruguaio Enrique Buchichio escreveu e dirigiu o longa “El Cuarto de Leo”, de 2009, exibido no 14º Festival de Cinema Gay e Lésbico de Lisboa, em 2010, e os curtas “Noche Fría” e “En La Plaza”.

 

Fonte: ANCINE 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: