Conselho Superior do Cinema aprova Plano de Diretrizes e Metas para o Audiovisual

agosto 10, 2012

Documento que estabelece bases para o desenvolvimento do mercado será colocado em Consulta Pública

Reunido ontem em Brasília, o Conselho Superior do Cinema aprovou o Plano de Diretrizes e Metas para o Audiovisual, que estabelece bases para o desenvolvimento do mercado brasileiro nos próximos dez anos. “O Plano guiará os investimentos do Fundo Setorial do Audiovisual e as ações do poder público no desenvolvimento do audiovisual brasileiro”,  explica o diretor-presidente da ANCINE, Manoel Rangel, que compôs a mesa diretora da reunião ao lado da ministra da Cultura, Ana de Hollanda, e da secretária do Audiovisual, Ana Paula Santana.

O desafio geral do Plano de Diretrizes e Metas pode ser desdobrado em três pontos: a expansão do mercado interno, em que se focaliza a dinâmica interna como a base para uma estratégia de desenvolvimento; a universalização do acesso aos serviços audiovisuais, em que se aposta numa expansão uniforme e desconcentrada, voltada para um mercado de massas; e a transformação do Brasil em forte centro produtor e programador de conteúdos audiovisuais, para que os agregadores de valor econômico e cultural nas obras sejam os agentes e referências locais.

Após a consolidação das últimas contribuições feitas pelo Conselho Superior do Cinema, o documento entrará em Consulta Pública por 120 dias. “Realizaremos ainda audiências e seminários para ouvir e mobilizar as vontades e iniciativa do setor”, completa Manoel Rangel.

 

Fonte: ANCINE

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: