Festival de Artes Audiovisuais de La Plata exibe mais de 20 filmes brasileiros

setembro 6, 2012

Evento acontece entre 15 e 22 de setembro na Argentina

Pelo sétimo ano consecutivo, o Festival de Artes Audiovisuais de La Plata (FESAALP) exibirá uma seleção de filmes latino-americanos em mostras competitivas e sessões paralelas. O evento acontece entre 15 e 22 de setembro no Centro Cultural Islas Malvinas, em La Plata, capital da província de Buenos Aires, Argentina.

Ao longo de oito dias, o festival irá projetar 76 filmes produzidos na América Latina nas mostras competitivas de longas e curtas-metragens, dos quais 14 tem produção brasileira. Na mostra “La Plata Filma“, o média-metragem “Armadilhas”, de Orange Cavalcante da Silva, será exibido na condição de filme convidado. Nas mostras competitivas de curtas-metragens, cinco obras brasileiras competem na categoria ficção: “Funeral à cigana”, de Fernando Honesko; “L”, de Thais Fujinaga; “A Galinha que burlou o sistema”, de Quico Meirelles; “A mula teimosa e o controle remoto”, de Helio Villela Nunes; e “Tela”, de Carlos Nader. Os filmes serão avaliados por um júri especializado formado por personalidades do meio audiovisual. Os vencedores serão premiados com uma estatueta e um diploma de reconhecimento.

Na categoria documentários, dentro da mostra competitiva de curtas-metragens, dois filmes brasileiros disputam o prêmio: “Barbeiros”, de Luiz Ferraz e Guilherme Aguillar; e “Praça Walt Disney”, de Renata Pinheiro e Sergio Oliveira. Entre os 12 curtas na categoria animação, quatro são brasileiros: “Cafeka”, de Nicholas Paim e Natália Cristine; “Céu, inferno e outras partes do corpo”, de Rodrigo John; “In a forest”, dirigido pelo holandês Fons Schiedon, juntamente com os brasileiros Luciana Eguti e Paulo Muppet; e “Realejo”, de Marcus Vinicius Vasconcellos. Em outras divisões da mostra de curtas-metragens, mais duas obras brasileiras estão no páreo: “Inquérito policial nº. 0521/09”, de Vinicius Casimiro, compete na categoria “Gênero Fantástico“; enquanto “Caixa”, curta de animação de Luciana Eguti e Paulo Muppet, disputam o prêmio da mostra “Videominuto“.

Nas sessões paralelas e não-competitivas, o Brasil será representado por sete obras: “A nona vítima”, de Diego Zon, e “Um pouco de dois”, de Danielle Araujo e Jackeline Salomão, serão exibidos na mostra “Zoom de Curtas“. Na mostra “FESAALP se Anima“, dedicada a filmes de animação fora do circuito comercial, a dupla Luciana Eguti e Paulo Muppet mais um curta de animação, “Escala”, exibido no festival; enquanto Amir Admoni, que também já colaborou com Eguti e Muppet, exibirá seu primeiro curta no festival, “Linear”.

Na sessão “Panorama Documental“, o festival exibirá a coprodução entre Argentina e Brasil “Plot Point”, de Rafael Valles. Outra sessão, intitulada “Uivos da Meia-noite” e dedicada ao terror, ao trash e ao gore, exibirá dois curtas brasileiros: “A noite dos palhaços mudos”, de Juliano Luccas; e “Velho mundo”, de Armando Fonseca.

Além da projeção de filmes, o festival organiza duas palestras: “FESOUND”, sobre pós-produção de áudio no cinema, ministrada pela SYNC Comunicação Audiovisual, e “Conta (nos) em Imagens“, onde diretores, atores, produtores e críticos contarão experiências e discutirão idéias para a melhoria e integração do mercado audiovisual latino-americano. É necessário se inscrever previamente para poder participar e, no caso da FESOUND, pagar uma taxa de inscrição.

Para obter mais informações sobre o Festival de Artes Audiovisuais de La Plata, basta acessar oportal do evento.

 

Fonte: ANCINE

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: